Papo de amiga: Você perdoaria uma traição?

12 de janeiro de 2016

Imagem do Tumblr.
Naquela madrugada eu não sabia bem o que fazer, só queria ter um tempo comigo, pensar a respeito de como eu agia em todo o nosso relacionamento. Lembra quando eu dizia que não era o suficiente e você me dizia que eu era tudo o que você queria? Acho que suas atitudes não confirmaram isso. Não era mais fácil você ter me dito logo?! Eu evitaria todo esse constrangimento de não querer mais olhar na sua cara. Nesse momento, 2h15 da manhã, estou naquele lugar que nós dois amávamos, estou deitada na grama, contando as estrelas e chorando. Sim, estou chorando. Porque eu amo você, porque depositei todas as minhas fichas em você, quando não tinha nem mais esperanças em mim, e o que você fez? Você me traiu! Sim, isso mesmo. Eu pedi tanto para você não fazer isso. Você poderia ter me xingado e eu te morderia como resposta, mas traição não! Eu nunca mais vou olhar na sua cara. Pode até parecer infantilidade, mas eu sempre te avisei. Posso ser meiga e romântica, mas quando me fazem de idiota (trouxa), sou a pessoa mais fria e grossa desse mundo. O tempo passa, a madrugada vai indo. Estou com frio, estou com medo. Quando estou prestes a levantar, vejo alguém vindo em minha direção. "OMG, o que eu faço?" pensei. Esse alguém era você. De olhos inchados. "Estava chorando querido?" Pensei ironicamente com muita raiva. Parou bem diante de mim e abaixou a cabeça. - O que você quer? - disse. - Por favor... - Por favor o que, querido? - falei ao mesmo tempo que passava a mão em sua bochecha úmida (geralmente depois de chorar muito, a frieza toma conta do meu corpo). - Por que você faz isso? Em? Para acabar comigo ainda mais? - Acabar com você? Nossa! Pensei que a namorada traída fosse eu. - Amor, vamos conversar... - Amor? Sua amante não ta aqui, porque não vejo ninguém para ser seu amor além dela. Sim, nós vamos conversar. - Para, por favor. Você é o amor da minha vida. Aquilo foi um deslize. - Deslize? Você jogou fora um amor e anos de namoro por um deslize? Você pensa com qual das cabeças? - ele riu e me olhou nos olhos, aqueles olhos castanhos escuros me fascinavam. - Você nunca muda, não é?! Eu te amo, e sim, foi um deslize. Foi só um beijo. - Vocês poderiam ter feito sexo, traição é traição. - falei levantando e limpando a grama do meu jeans. - Você já vai embora? - Vou sim. Tenho uma nova vida agora e preciso cuidar dela. - Não precisa ser assim. A gente pode continuar junto, esquecer isso que aconteceu. - Quando falei nova vida, não estou dizendo em relação a eu e você. E sim ao intercâmbio de um ano que farei no Japão. - Você ia viajar e não ia me dizer? - perguntou assustado e com o rosto corado, acho que de raiva. - Eu ia te levar junto comigo. Eu tinha planos da gente morar junto, mas você jogou tudo fora. - Você é uma mulher maravilhosa, sabia? - Você também é um homem maravilhoso. Mesmo que eu não sinta raiva de você e perdoe sim o seu "deslize", mesmo que a gente se torne amigo, eu não conseguiria voltar com você. Você me conhece. - Sim, eu conheço... - fez uma pausa -... espero que você... - eu estava vendo muitas lágrimas, e aquilo estava cortando meu coração -... seja muito, muito feliz... - eu o abracei e não deixei falar mais nada. Só queria me sentir nos braços dele pela última vez. - Fica quieto - falei, ainda abraçada - sei que isso me deixou triste e fez com que eu mudasse todos os meus planos. Mas nada dura para sempre. Nem a dor, nem o amor. Deixei-o pensando. E fui embora!


Comentem ai o que vocês acharam do texto, tô pensando em trazer mais textos assim. O que vocês acham?


Acompanhe o blog nas Redes Sociais: FACEBOOK | INSTAGRAM | YOUTUBE | TWITTER.

12 comentários:

  1. É bem dificil esta pergunta e ja passei por isso, depois de muitos anos perdoei mas nunca mais fui a mesma com a pessoa, a confiança acabou completamente.
    O SORTEIO está quase no fim, é só até dia 13/01 corra e participe...
    Venha conferir.
    BLOG: Estilo.Quem tem?
    BLOG DA FILHOTA: Coisas de Meninas
    CANAL
    Quer ter mais acessos ao seu blog? Acesse HitLeap - #

    ResponderExcluir
  2. Ficou muito bom , vale a pena investir em textos assim . Parabéns !
    Bjnhs

    http://karoline-caro-sonhador.blogspot.com/2016/01/voce.html

    ResponderExcluir
  3. Adorei o texto muito emocionante, acho que você deve investir em colocar mais textos assim no seu blog!eu adoro porque é o meu meio de desabafar. Sabe, eu não conseguiria perdoar uma traição, mas isso nunca aconteceu comigo diretamente e o seu texto me fez perceber que as vezes as pessoas erram e devemos perdoar, mas claro uma vez, não infinitas vezes. O amor é cheio de idas e vindas. Muito obrigada eu tava precisando entender isso depois de um problema pessoal que eu tive! Esse é o meu blog: http://comosobreviveravidadegarota.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que comentário mais fofo. Fico feliz em ter ajudado!

      Excluir
  4. Eu não perdoo uma traição. Já fui traída e é horrível. Quem ama não trai e se ficasse com a pessoa ia ficar sempre a pensar se me estaria a trair outra vez.
    Beijos

    http://nailsbyanas.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagino que seja assim mesmo. Nunca fui traída, mas acho que se fosse preferiria deixar a pessoa ir do que tê-la com uma desconfiança eterna.

      Excluir
  5. Adorei seu texto. Me deixou bem curiosa para terminar de ler, cliquei no link e li. Parabéns. Ganhou uma seguidora ;)

    www.resenhafeminina.com.br | IG:goo.gl/OMxY3w | TW: goo.gl/EPQ08Y |YT: goo.gl/c2hZyw

    ResponderExcluir
  6. Eu tbm nao perdoo uma traição... pra mim é uma vez e tchau.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdoar é diferente de continuar. Não podemos guardar rancor de ninguém!

      Excluir